Al Alba de las Emociones – Entre a razão e a emoção

Caros amigos,

minha principal leitura atualmente é um livro chamado Al Alba de las Emociones, o qual ganhei de um de meus orientadores, o Prof. Dr. Gentil Lucena, a quem admiro profundamente e serei eternamente grato por ter me despertado para a singularidade e inigualável beleza do fenômeno humano. Costumo dizer, com toda a sinceridade, que somente este “dar-se conta” do mundo sob o viés ontológico e da riqueza que reside em uma simples interação entre duas pessoas já fez todo o tempo (e dinheiro) investido no mestrado valer a pena.

O livro em questão trata com extrema maestria de uma das dimensões que nos constitui como seres humanos, a Emocionalidade, e sua autora, Susana Bloch, descreve o método Alba Emoting, desenvolvido por ela, o qual é definido como “um processo físico, direto, que consiste, antes de mais nada, na ativação voluntária de certos ritmos respiratórios e, em seguida, de certos músculos do corpo e do rosto, além de certas atitudes posturais, tudo isso relacionado com uma dada emoção básica”. Trata-se de uma leitura fantástica, sobretudo por ser a Emocionalidade o foco de minha Dissertação.

Alba Emoting

Escreverei mais sobre esse livro em futuros posts, mas por enquanto compartilho com vocês um dos muitos poemas constantes no texto e que aborda com profunda beleza a eterna discussão sobre o que é mais importante: a razão ou a emoção? Eu, particularmente, fico com o equilíbrio…

En dos partes dividida

Tengo el alma en confusión

Una, esclava a la pasión.

Y otra, a la razón medida

Guerra civil encendida,

Aflige el pecho importuna:

Quiere vencer  cada una,

Y entre fortunas tan varias,

Morirán ambas contrarias

Pero vencerá ninguna.

Poema de Sor Juana Inés de la Cruz, extraído do livro Al Alba de las Emociones, de Susana Bloch (pág. 123)

Um grande abraço e belas emoções a todos,

Marcelo Mello

Anúncios

Um comentário sobre “Al Alba de las Emociones – Entre a razão e a emoção

  1. Marcelo, que bom vê-lo tão empolgado com o livro da Suzana. Eu também estou lendo-o e, de fato, é “emocionante” (sem trocadilhos). Que bom que você gostou. Mantenhamo-nos conversando!
    Grande abraço
    Gentil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s